sexta-feira, 15 de maio de 2015

Algumas dicas sobre o consumo da granola

Há quem diga que granola engorda , mas tudo , como sempre, depende do consumo .
Se for um consumo exagerado , com certeza ela vai engordar, mas se usada com  moderação , só terá beneficios para sua saude .
 Para entender vamos para uma pequena analise , começando pela composição
Carboidratos :  a fonte é em sua maioria de carboidratos complexos proveniente de cereais integrais, grãos e sementes. Este tipo de carboidrato apresenta menor índice glicêmico - favorecendo o aumento da glicemia mais lentamente no sangue - em comparação a outras fontes de carboidratos simples, como o açúcar refinado que está  presente com frequência em  produtos industrializados. 
Fibras : As fibras beneficiam a saúde de todo o intestino, auxiliando na melhora da constipação quando associada à ingestão de líquidos. Outro papel importante das fibras alimentares é promover a sensação de saciedade, reduzindo a fome no intervalo entre as refeições e, consequentemente, permite o melhor controle da ingestão de energia.
Omega 3 e 6 : São fontes de lipidios ( oleos) encontrados nas castanhas, nozes, no interior das sementes de linhaça e gergelim, além de alguns óleos vegetais. Esse tipo de oleo é chamado de gorduras  insaturadas que atuam protegendo a saúde do coração e vasos sanguíneos. 
Vitaminas e minerais : Por conta do mix de ingredientes,estão presentes minerais como  o zinco, essencial para o sistema imunológico; fósforo, relacionado à formação de ossos e dentes e o selênio (especialmente quando presente a castanha-do-Pará), de ação antioxidante e necessário para a função da glândula tireóide. São encontradas também  vitaminas, principalmente do complexo B, envolvidas em uma série de funções essenciais no organismo, como no metabolismo energético. 

Cuidados ao ingerir a granola

Indivíduos diabéticos devem atentar aos rótulos e optar pela versão diet que não possui adição de açúcares e controlar a quantidade a ser consumida. A versão light, em geral, apresenta menor valor calórico decorrente sobretudo pela redução no teor de gorduras ou de açúcar, indicada como uma opção para o controle de peso. É preciso atentar às versões que possuem elementos adicionais, como chocolate, podem comprometer o processo de emagrecimento, sendo orientado preferir as granolas que apresentam frutas secas, por exemplo. 
Uma outra orientação é observar e comparar cuidadosamente a tabela nutricional das granolas disponíveis no mercado e optar pelos produtos que possuem maior quantidade de fibras alimentares, menor quantidade de gorduras saturadas - e que jamais contenham gorduras trans - e, sempre que possível, que não apresente corantes em sua composição. 
Outro ponto é atentar à lista de ingredientes, que sempre mostra os ingredientes em maior quantidade no produto primeiro na lista, em ordem decrescente para aqueles presentes em menor proporção. Neste sentido, os açúcares, portanto, devem aparecer ao final da lista (no caso de versões regulares). 
Indivíduos portadores da doença celíaca devem restringir o consumo da granola, em virtude do glúten presente em determinados cereais, muito embora esta informação deverá ser sempre confirmada por meio da leitura do rótulo do produto.  

Como consumir a granola

A granola pode ser inserida no café da manhã, substituindo alimentos fonte de carboidratos - como pães, torradas e biscoitos - e acompanhada de iogurtes e leite (fontes de proteína e cálcio), indicadas nas versões desnatadas e light no caso de indivíduos que buscam o controle de peso, podendo também ser polvilhadas sobre frutas variadas.Pode ser consumida na refeição pós-treino, pela grande capacidade reconstituinte na recuperação dos estoques de energia do corpo.Pode também ser inserida no lanche pré-treino (cerca de 1 hora ou 30 minutos antes do início do exercício físico), quando apresentar menor índice glicêmico, como maior proporção de cereais na forma integral.


Com essas informações , escolha uma que mais lhe agrade e faça um aliado para sua boa saude e 
alimentação .  



Bjos

Fonte: foto - internet 
Material :  www.minhavida.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário